quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Pedro de Merelim (1913-2002)



Pedro de Merelim







Pedro de Merelim, pseudónimo de Joaquim Gomes da Cunha (São Pedro de Merelim, 1913 - Angra do Heroísmo, 2002), foi um militar, historiador e etnógrafo dos Açores. No Exercito Português alcançou o posto de Sargento.



Biografia


Nascido no Concelho de Braga, veio para os Açores integrado no Corpo Expedicionário Português enviado paro o arquipélago durante a Segunda Guerra Mundial.


1943 - Sobrescrito, censurado, isento de franquia, expedido
de Angra do Heroísmo para Lisboa, da Expedição Militar aos Açores


Fixou-se em Angra do Heroísmo, onde desenvolveu um importante labor de investigador da história e tradições locais, tendo publicado volumosa obra sobre esses temas.



1957 - Sobrescrito e carimbo comemorativo (Velas - São Jorge) da visita presidencial aos Açores.
Edição do Núcleo Filatélico de Angra do Heroísmo


É o autor da frase "E Portugal já foi só aqui!", publicada no número especial do jornal terceirense "A União" em 1957, quando da visita do então presidente da República, General Craveiro Lopes.


1957 - Bilhete Postal  com carimbo comemorativo da Visita Presidencial
a Angra do Heroísmo, do General Craveiro Lopes.


1959 - Sobrescrito e carimbo comemorativo das Festas da Cidade
de Angra do Heroísmo. Edição do Núcleo Filatélico de Angra do Heroísmo,
onde se pode constatar a inscrição
"PORTUGAL JÁ FOI SÓ AQUI"


Cumprido o serviço militar, fixou residência em Lisboa, mas logo é reincorporado por ocasião da II Guerra Mundial, vindo cumprir serviço na ilha Terceira, onde se fixa. Passa aos quadros do Exército, após a guerra, e dá largas à sua verdadeira vocação, que é a de jornalista, usando o pseudónimo de Pedro de Merelim.


Pertenceu ao corpo redactorial do jornal A União, durante 38 anos, chegando a exercer o cargo de redactor-chefe e chefiou o gabinete de notícias do Rádio Clube de Angra.


 


Escreveu milhares de textos (artigos, reportagens, locais, crónicas de viagem) que publicou em jornais açorianos, do continente e da Guiné-Bissau.

Foi correspondente entre 1953 e 1972 de O Primeiro de Janeiro (Porto) e colaborador de O Século e do Jornal do Comércio, ambos de Lisboa.



O mais importante do seu trabalho é constituído por obras que versam temas de grande relevância local e regional, num total de 22 títulos, e por artigos publicados na Atlântida, revista do Instituto Açoriano de Cultura.




Foi autodidacta, por não ter podido beneficiar de formação de nível superior e, por isso, nem sempre manuseou da forma mais adequada as normas da investigação; Pedro de Merelim foi, no entanto, um historiógrafo exemplar, pela sua grande seriedade e probidade intelectual, no que constitui um exemplo para qualquer investigador.



Legou o seu espólio, em vida, à Biblioteca Pública e Arquivo Regional de Angra.



Obra

  • Guia Turístico da Terceira, Agência Teles, Angra do Heroísmo, 1948.
  • A Terceira ajoelhada aos pés da Virgem de Fátima, Tipografia Moderna, Angra do Heroísmo.
  • Subsídios para a história do futebol na ilha Terceira, Angra do Heroísmo, 1956.
  • Asilo de Mendicidade, sumário histórico no 1.º centenário da fundação, Angra do Heroísmo, 1960.
  • Notas sobre os conventos da ilha Terceira, 3 volumes, A União, 1960, 1963 e 1964.
  • Memória histórica da edificação dos Paços do Concelho, Câmara Municipal de Angra do Heroísmo, 1966 (reeditado em 1973 e em 1984).
  • Os Hebraicos na ilha Terceira, revista Atlântida (1968), reeditado pelo autor em 1995.
  • Filarmónica recreio dos Artistas, edição da Filarmónica, Angra do Heroísmo, 1967.
  • Memória sobre o Serviço de Incêndios, 78 pp., Associação de Bombeiros Voluntários de Angra, 1969.
  • Caixa económica da Santa Casa da Misericórdia de Angra, Santa Casa da Misericórdia de Angra, 1971.
  • Toiros e touradas na ilha Terceira, União Gráfica Angrense, 1970.
  • Memória histórica do Salão Municipal, Câmara Municipal de Angra do Heroísmo, 1970.
  • Rádio Clube de Angra, 192 pp., edição do Radio Clube de Angra, Angra do Heroísmo, 1972.
  • As 18 paróquias de Angra, 874 pp., Câmara Municipal de Angra do Heroísmo, 1974.
  • Fernando Pessoa e a ilha Terceira, 123 pp., Colecção Ínsula, Angra do Heroísmo, 1975.
  • A laranja na ilha Terceira, 91 pp., inserto em A União, 1976.
  • Serviços Municipalizados de Angra, 201 pp., Câmara Municipal de Angra do Heroísmo, 1979.
  • Cooperativas que houve na Terceira, Angra do Heroismo.
  • Freguesias da Praia, 2 volumes, 797 pp., Direcção Regional de Orientação Pedagógica, Angra do Heroísmo, 1983.
  • Merelim (São Pedro), 545 pp., Junta de Freguesia de Merelim, 1989.
  • Adenda à Monografia de Merelim (São Pedro), Junta de Freguesia de Merelim, 1995.
  • Açorianos ministros de Estado, edição do autor, Angra do Heroísmo, 1996.
  • Monografia da Agência Teles, Agência Teles, Angra do Heroísmo, 1996.